sábado, 22 junho 2024
UMUARAMA/PR

Mulher coloca fogo em farda de PM e em motocicleta e presa em Altônia; VEJA VÍDEOS DA CONFUSÃO

Mulher coloca fogo em farda de PM e em motocicleta e presa em Altônia; VEJA VÍDEOS DA CONFUSÃO

Contra ela havia um mandado de prisão; já o marido foi preso no momento da operação em posse de certa quantia de maconha.

Uma mulher responsável por incendiar uma motocicleta e atear fogo em parte da farda de um policial militar foi presa em Altônia na manhã desta quinta-feira (23). Contra ela havia um madado de prisão em aberto pelos crimes de Desacato, Resistência, Desobediência, Corrupção de menores, Incêndio e Lesão corporal.

A ocorrência se deu no Jardim Panorama, em Altônia, no dia 06/05/2024, após uma abordagem da PM. Na ocasião, os militares constataram que ela conduzia uma motocicleta Honda/Fan com débitos.

Ao saber que a motocicleta seria apreendida, a mulher a tombou e abriu a tampa do tanque de combustíveis para atear fogo, porém sem sucesso. “Prefiro atear fogo na minha moto, do que deixar ela ser apreendida”, exclamou a proprietária. No entanto, ela retirou a mangueria do carburador, derramando combustível por toda a moto, inclusive na farda do PM e, utilizando um isqueiro ateou fogo na moto e na calça do militar.

A Guarda Municipal foi solicitada para prestar apoio na ocorrência, juntamente com o Corpo de Bombeiros, para conter as chamas do veículo.

Após as chamas serem contidas, não satisfeita a proprietária começou a quebrar a moto com chutes e pedradas:

Na sequência, bastante alterada, a mulher começou a xingar e a desacatar os policiais militares:

Após a confusão a mulher conseguiu fugir do local, os policiais foram à residência dela, entretanto ela não estava. As filhas de 14 e 17 anos começaram a desacatar e xingar os militares, elas foram apreendidas e encaminhadas à Polícia Civil de Altônia para as providências cabíveis. A motocicleta foi apreendida.

Nesta manhã, os policiais militares, policiais civis e guardas municipais foram cumprir o mandado de prisão da criminosa e um madado de busca e apreensão na residência.

Já na chegada das equipes das forças de segurança, ela e os familiares começaram a resistir a abordagem, pois não queriam sair da residência para emprego do cão de faro. Foi necessário o uso de força para contê-los.

O cão apontou um pote com 29 gramas de maconha, que pertenciam ao marido da criminosa. Na hora de algemar a mulher, todos os familiares agiram com resistência ativa tentando impedir sua prisão. Todos foram contidos e imobilizados pelos policiais.

Ela e o marido foram presos e encaminhados à Delegacia de Polícia Civil para os procedimentos de Polícia Judiciária.

 

Participe do grupo de WhatsApp e receba todas as notícias em primeira mão. Clique aqui

Mais lidas

Notícias Relacionadas